25.6.13

A cama e eu

Passa-se só comigo ou também vos custa levantar de manhã, com este calor infernal?

Normalmente isto só me acontecia no Inverno:

 frio (brrrr), não me apetece sair da cama fofinha, quentinha graças aos lençóis de flanela, 1001 cobertores por cima, e um " chega-te para cá e aninha-te que estou cheia de frio".

No Verão, já não suportava estar a cama, era alvorada, baixar os estores para a casa ficar fresca e  " tudo pronto para a praia? "


Pois bem, este ano é tudo ao contrário. Não sei se pelo facto de anunciarem que será o Verão mais frio???( really), de termos estas mudanças abruptas de temperatura, que me deixam mole, meus senhores!!!!

Arrasto-me para a cama, demoro a adormecer e de manhã... oh de manhã que sacrifício e penso só mais 5 minutos, está tanto calor lá fora, não quero :-(

vá Sara Maria, arrasta-te se for preciso mas a Troika está a contar com o teu contributo.

Chego ao trabalho e o mulherio em brasa, vocês sabem como as mulheres lidam com o calor... e com o frio... e com a vizinha do lado... ... e com o colega do filho que mordeu a semana passada.

Avante.

Todas com o seu ar fresco e fofas, enquanto tiro os meus óculos de sol e penso: sinto-me como se ontem estivesse em estado quase coma alcoólico e se tirar os óculos, elas vão reparar.

Uma boceja, boceja a outra e quando reparamos... meio mundo já bocejou.

Silêncio.

Atrevo-me a perguntar:

 - Então, esta noite dormiram bem? - e rompe-se o silêncio com um borburinho que vai aumentando...

Mais um dia de trabalho normal. E eu a pensar na minha cama.